Seu evento

Seja um Franqueado
Min 18 Max 25

Artigos e Dicas

Dicas para fazer uma Festa Anos 50

07/01/2013 - festa anos 50, anos 50, festa retrô, decoração festa anos 50, festa anos 50 roupas, festa anos 50 decoração, festa anos dourados, decoração anos doura

Os Anos 50, também conhecidos como Anos Dourados é um ótimo tema para festa. Confira dicas de decoração, comida, músicas e trajes do estilo Anos 50.

Dicas para fazer uma Festa Anos 50



As festas temáticas com ar retrô estão em alta, especialmente o tema Anos 50, que voltou com tudo e vem sendo um dos temas mais procurados. Engana-se quem pensa que festas assim são realizadas por pessoas que são daquela época, na verdade, muitos jovens baseiam suas festas no tema dos Anos 50, que serve tanto para festas de 15 anos, como festas infantis, bodas, casamentos e outras comemorações.

Antes de tudo, você precisa entender as principais características de cada década para arrasar em todos os detalhes da sua festa. De início é comum as pessoas se confundirem os Anos 50 com os Anos 60. Quando se fala em Anos 60, as pessoas costumam pensar em vestidos de bolinhas, e isso nada mais é que uma característica dos Anos 50. As características principais da moda dos Anos 60 são o futurismo e a minissaia, como vestidos tubinhos com estampas psicodélicas e geométricas, o tailleur estilo Chanel, jeans, smoking etc.

A década de 50 é marcada pela sensualidade, vestidos rodados marcados na cintura, feminilidade dos vestidos de bolinhas, óculos de gatinha, olhos delineados estilo gatinho, jeans, calças cigarrete, salto alto, rock"n roll, blues, moda rockabilly, topete, cabelo rabo de cavalo, colares e brincos de pérolas, jaqueta de couro, bandanas, tiaras, Suéter, rebeldia sem causa no melhor estilo adolescente de ser. Época também das pin-ups, do filme Grease – Nos Tempos da Brilhantina, Elvis Presley, Marilyn Monroe, Chuck Berry, Brigitte Bardot, Bill Haley, James Brown, Ray Charles entre muitos outros.

Sendo assim, caso você esteja pensando em organizar uma festa anos 50, mas não sabe nem por onde começar veja algumas dicas e sugestões sobre músicas, comidas, bebidas, moda e decoração que certamente irão te inspirar a promover um ambiente que faça os convidados viajarem  pelos famosos Anos Dourados.











Trajes para Festa Anos 50

Uma festa temática dos anos 50, não necessariamente, todos precisam ir vestidos a caráter, mas se você quiser que todos apareçam de acordo com a época, não se esqueça de colocar no convite “Traje Anos 50” para que o convidado prepare sua fantasia.

As meninas devem abusar das bolinhas, usando um vestido acinturado, luvas compridas, colar de pérolas, óculos gatinha e uma fita no cabelo. Já os meninos podem ir confiantes no visual rock"n"roll usando calça justa, camisa branca, jaqueta de couro e o topete com muita brilhantina (uma espécie de gel para cabelo).















Cardápio para Festa Anos 50

O cardápio também pode ter algumas referências dos anos 50 com os ícones do fast-food como mini sanduíches, cheeseburgers, mini pizzas, milk shakes, batata frita, canapés, salgadinhos, croquetes, sticks, patês, torradinhas e espetinho de frios.

Para o jantar um buffet de crepes ou de massas. Na sobremesa sorvete com calda é obrigatório. Para algo mais completo experimente colocar um mesa com fondue, cascata de chocolate e frutas.

A mesa de doces pode ser montada com coisas que todo mundo gosta: chocolates, balas, pirulitos, suspiros, marshmallows e outras delícias que remetem a época.

Para beber: refrigerantes, sucos, cerveja, caipirinhas, batidas e outros drinks com frutas. Você pode também colocar as garrafinhas de refrigerante e canudinhos num balde com gelo para os convidados, vira até decoração de festa.



]

















Música para Festa Anos 50

Nada impede de você incluir na playlist os hits mais tocados do momento, mas uma festa anos 50 não é uma festa anos 50 se não tiver muito rock’n roll das antigas, jovem guarda e outras canções que acompanham o tema da festa. O DJ ou a banda devem caprichar no som para ninguém ficar parado.

A pista de dança deve ser quadriculada, com bastantes luzes e globo espelhado no teto para dar aquele charme. Para animar a festa, vale distribuir adereços de festa aos convidados. 









Decoração para Festa Anos 50



Na decoração da festa Anos 50 o preto e o branco devem ser predominantes, mas o colorido das sorveterias também invade a decoração. Alguns elementos lembram a época e ajudam a enfeitar a festa, entre eles estão: discos de vinil nas paredes ou em forma de uma cortina, Cadillac (o carro mais famoso dos anos 50), pufes, lambretas, retrato de famosos, eletrodomésticos retrô, filmes da época, vitrola ou jukebox compõem um visual bem legal para a sua festa.



































Dicas para fazer uma Festa Anos 50



As festas temáticas com ar retrô estão em alta, especialmente o tema Anos 50, que voltou com tudo e vem sendo um dos temas mais procurados. Engana-se quem pensa que festas assim são realizadas por pessoas que são daquela época, na verdade, muitos jovens baseiam suas festas no tema dos Anos 50, que serve tanto para festas de 15 anos, como festas infantis, bodas, casamentos e outras comemorações.

Antes de tudo, você precisa entender as principais características de cada década para arrasar em todos os detalhes da sua festa. De início é comum as pessoas se confundirem os Anos 50 com os Anos 60. Quando se fala em Anos 60, as pessoas costumam pensar em vestidos de bolinhas, e isso nada mais é que uma característica dos Anos 50. As características principais da moda dos Anos 60 são o futurismo e a minissaia, como vestidos tubinhos com estampas psicodélicas e geométricas, o tailleur estilo Chanel, jeans, smoking etc.

A década de 50 é marcada pela sensualidade, vestidos rodados marcados na cintura, feminilidade dos vestidos de bolinhas, óculos de gatinha, olhos delineados estilo gatinho, jeans, calças cigarrete, salto alto, rock"n roll, blues, moda rockabilly, topete, cabelo rabo de cavalo, colares e brincos de pérolas, jaqueta de couro, bandanas, tiaras, Suéter, rebeldia sem causa no melhor estilo adolescente de ser. Época também das pin-ups, do filme Grease – Nos Tempos da Brilhantina, Elvis Presley, Marilyn Monroe, Chuck Berry, Brigitte Bardot, Bill Haley, James Brown, Ray Charles entre muitos outros.

Sendo assim, caso você esteja pensando em organizar uma festa anos 50, mas não sabe nem por onde começar veja algumas dicas e sugestões sobre músicas, comidas, bebidas, moda e decoração que certamente irão te inspirar a promover um ambiente que faça os convidados viajarem  pelos famosos Anos Dourados.











Trajes para Festa Anos 50

Uma festa temática dos anos 50, não necessariamente, todos precisam ir vestidos a caráter, mas se você quiser que todos apareçam de acordo com a época, não se esqueça de colocar no convite “Traje Anos 50” para que o convidado prepare sua fantasia.

As meninas devem abusar das bolinhas, usando um vestido acinturado, luvas compridas, colar de pérolas, óculos gatinha e uma fita no cabelo. Já os meninos podem ir confiantes no visual rock"n"roll usando calça justa, camisa branca, jaqueta de couro e o topete com muita brilhantina (uma espécie de gel para cabelo).















Cardápio para Festa Anos 50

O cardápio também pode ter algumas referências dos anos 50 com os ícones do fast-food como mini sanduíches, cheeseburgers, mini pizzas, milk shakes, batata frita, canapés, salgadinhos, croquetes, sticks, patês, torradinhas e espetinho de frios.

Para o jantar um buffet de crepes ou de massas. Na sobremesa sorvete com calda é obrigatório. Para algo mais completo experimente colocar um mesa com fondue, cascata de chocolate e frutas.

A mesa de doces pode ser montada com coisas que todo mundo gosta: chocolates, balas, pirulitos, suspiros, marshmallows e outras delícias que remetem a época.

Para beber: refrigerantes, sucos, cerveja, caipirinhas, batidas e outros drinks com frutas. Você pode também colocar as garrafinhas de refrigerante e canudinhos num balde com gelo para os convidados, vira até decoração de festa.



]

















Música para Festa Anos 50

Nada impede de você incluir na playlist os hits mais tocados do momento, mas uma festa anos 50 não é uma festa anos 50 se não tiver muito rock’n roll das antigas, jovem guarda e outras canções que acompanham o tema da festa. O DJ ou a banda devem caprichar no som para ninguém ficar parado.

A pista de dança deve ser quadriculada, com bastantes luzes e globo espelhado no teto para dar aquele charme. Para animar a festa, vale distribuir adereços de festa aos convidados. 









Decoração para Festa Anos 50



Na decoração da festa Anos 50 o preto e o branco devem ser predominantes, mas o colorido das sorveterias também invade a decoração. Alguns elementos lembram a época e ajudam a enfeitar a festa, entre eles estão: discos de vinil nas paredes ou em forma de uma cortina, Cadillac (o carro mais famoso dos anos 50), pufes, lambretas, retrato de famosos, eletrodomésticos retrô, filmes da época, vitrola ou jukebox compõem um visual bem legal para a sua festa.

































Envie um Comentário sobre a Artigos e Dicas

Nome
Email
Cod. verificador
4152
Comentário
Prosseguir

Comentários 00 Comentários. Seja o primeiro a comentar.

Artigos e Dicas
Veja alguns erros de beleza que as noivas cometem no casamento e evite-os

Veja alguns erros de beleza que as noivas cometem no casamento e evite-os

casamento, festa de casamento, look da noiva, erros da noiva, principais erros em uma festa de casamento, principais erros no casamento

Pode parecer estranho de se afirmar, mas uma das coisas mais comuns que existem é a noiva errar em relação a sua beleza na festa do casamento. Sim, elas cometem gafes! Às vezes, são erros imperceptíveis, que os convidados nem notam, mas que chateiam as noivas para o resto de suas vidas, afinal, o casamento é um momento único e toda noiva gosta que saia tudo perfeito. Mas como que alguém que quer que tudo saia perfeito consegue cometer uma gafe? É simples de explicar: A emoção do momento deixa qualquer mulher desatenta a detalhes, que só são vistos depois que a festa passa e deixam aquela magoazinha lá no fundo do peito. Pode parecer algo supérfluo, mas que chateia muito. A palavra que traz a solução para este e muitos outros tipos de problema em uma festa é a palavra planejamento. Para planejar, você precisa se informar, então, selecionamos algumas dicas para você ficar atenta e não cometer gafes em relação a sua beleza no seu casamento. -Não retocar: Na recepção, as noivas não se lembram de retocar a maquiagem em meio à loucura que está acontecendo. A dica é delegar à sua madrinha a responsabilidade de cuidar da sua maquiagem e cabelo (de preferência a cada hora). Não vai levar 20 segundos e você vai estar com o batom perfeito, sem nenhuma olheira ou cabelo esvoaçado. -Desmontar o look: Tudo o que você mais quer durante a dança é estar confortável para se divertir com suas amigas e o seu marido. Você pode até ficar descalça, se achar necessário, mas não tire os grampos do cabelo. O movimento e o suor serão seus inimigos. -Ficar com marca de biquíni: Quando estiver próximo da data de seu casamento, tome cuidado se for à praia. A marca do biquíni pode demorar a sair e ficar à mostra. E isso não é nada elegante, principalmente levando em consideração que você terá um álbum de fotografias que irá guardar para o resto da vida. -Usar iluminador: A imagem que você vê no espelho pode não ser a mesma que aparecerá nas fotos, portanto, evite o iluminador na hora de fazer a maquiagem. O produto pode dar a impressão de que a pele está oleosa nas fotografias. -Não gerenciar o tempo: Se você for fazer sua própria maquiagem, reserve mais tempo do que você acredita ser necessário para se arrumar, pois conforme vai chegando a hora do casamento, você começa a ficar mais nervosa. Isso significa que aplicar cílios postiços, por exemplo, pode se tornar uma tarefa muito mais complicada, pois suas mãos podem ficar trêmulas. -Usar batom vermelho comum: A combinação batom vermelho e vestido branco tem tudo para dar errado. Para evitar um desastre e borrões em todo lugar, inclusive no noivo, aposte no lápis batom, que tem menos chances de se espalhar para além dos lábios. -Cortar o cabelo na semana do casamento: Fique longe das tesouras nas duas semanas que antecedem a cerimônia. Se você não gostar do corte, terá tempo para escolher outro penteado ou esperar crescer um pouco. Pular o teste da maquiagem: Não dá para saber como ficará sua maquiagem até que você faça. Portanto, é importante não pular esta fase para ter certeza de que ela ficará exatamente do jeito que você imagina. O importante é ficar a atenta aos detalhes, planejar e buscar um solução antecipada para qualquer imprevisto imaginável.

Artigos e Dicas
Tendências para casamentos em 2015

Tendências para casamentos em 2015

casamento, tendências de decoração para casamento, tendências para casamentos em 2015, casamentos em 2015, decorações de casamento 2015

A Wedding Experience aconteceu neste mês de março e veio trazendo uma imensidão de tendências para casamentos em 2015. Confira algumas delas! Tendências para casamentos em 2015 Aconteceu, no dia 07 de março de 2015, em Campos do Jordão, a Wedding Experience, um evento que funciona como um test-drive para noivos e organizadores de festas “testarem” e conhecerem as tendências para os casamentos de 2015. Legal, né? Então, esta ideia é de Andrea e Caroline Maia, as irmãs por trás do Chegou a Hora e do Expresso Gourmet, empresas especializadas na área de organização de festas e que organizaram o Wedding Experience, que trouxe este ano o tema casamento nas montanhas. Para quem não ainda não conhece, o evento nada mais é que uma grande festa de casamento feita para os noivos e organizadores de festa testar o que funciona para eles ou não. Em outras palavras, é uma feira de casamento feita em formato cerimônia, com direito a recepção de convidados, jantar e até desfile de noivas. Dentre a imensidão de novidades que foram divulgadas no Wedding Experience, a palavra que recebe mais destaque é a personalização! A tendência é que todos os detalhes das festas de casamento em 2015 tenham a cara do casal, desde porta-guardanapos até o perfume da festa - Os aromatizantes de ambiente combinando com o casal também fazem parte das tendências para 2015. São os chamados Home-Spray.  A fragrância, além de ser usada para perfumar o local da festa, ainda pode ser entregue aos convidados como brindes. Outra novidade são as bexigas usadas como save the date para o casamento. Elas chegam até os convidados e eles precisam enchê-las para ler o que está escrito no convite “diferente”. Outro ponto importante são os convites. Mesmo que os noivos estejam mais modernos, os convites clássicos ainda tomam conta da lista de tendências. Afinal, ninguém erra ao escolher o bom e velho estilo clássico. Em relação ao entretenimento dos convidados, os destaques foram para a lista de músicas – Claro! É um dos itens mais importantes da festa – e também os jogos, pois o que promete ser tendência neste ano é trazer os jogos dos cassinos de Las Vegas para dentro das festas e divertir aqueles convidados que não são muito de dançar. Voltando a música, e destacando a palavra personalização, por mais que as músicas hits do momento ainda sejam as que mais animam festas, a personalização da play list de acordo com os gostos do casal é a grande tendência para este item. Para conhecer Assessorias de Eventos em Uberlândia CLIQUE AQUI! Você pode ver fotos dos exemplos de tendências na galeria ao lado. Tendências para casamentos em 2015 Aconteceu, no dia 07 de março de 2015, em Campos do Jordão, a Wedding Experience, um evento que funciona como um test-drive para noivos e organizadores de festas “testarem” e conhecerem as tendências para os casamentos de 2015. Legal, né? Então, esta ideia é de Andrea e Caroline Maia, as irmãs por trás do Chegou a Hora e do Expresso Gourmet, empresas especializadas na área de organização de festas e que organizaram o Wedding Experience, que trouxe este ano o tema casamento nas montanhas. Para quem não ainda não conhece, o evento nada mais é que uma grande festa de casamento feita para os noivos e organizadores de festa testar o que funciona para eles ou não. Em outras palavras, é uma feira de casamento feita em formato cerimônia, com direito a recepção de convidados, jantar e até desfile de noivas. Dentre a imensidão de novidades que foram divulgadas no Wedding Experience, a palavra que recebe mais destaque é a personalização! A tendência é que todos os detalhes das festas de casamento em 2015 tenham a cara do casal, desde porta-guardanapos até o perfume da festa - Os aromatizantes de ambiente combinando com o casal também fazem parte das tendências para 2015. São os chamados Home-Spray.  A fragrância, além de ser usada para perfumar o local da festa, ainda pode ser entregue aos convidados como brindes. Outra novidade são as bexigas usadas como save the date para o casamento. Elas chegam até os convidados e eles precisam enchê-las para ler o que está escrito no convite “diferente”. Outro ponto importante são os convites. Mesmo que os noivos estejam mais modernos, os convites clássicos ainda tomam conta da lista de tendências. Afinal, ninguém erra ao escolher o bom e velho estilo clássico. Em relação ao entretenimento dos convidados, os destaques foram para a lista de músicas – Claro! É um dos itens mais importantes da festa – e também os jogos, pois o que promete ser tendência neste ano é trazer os jogos dos cassinos de Las Vegas para dentro das festas e divertir aqueles convidados que não são muito de dançar. Voltando a música, e destacando a palavra personalização, por mais que as músicas hits do momento ainda sejam as que mais animam festas, a personalização da play list de acordo com os gostos do casal é a grande tendência para este item. Para conhecer Assessorias de Eventos em Uberlândia CLIQUE AQUI! Você pode ver fotos dos exemplos de tendências na galeria ao lado.

Artigos e Dicas
Que tal fazer uma festa de aniversário infantil em local público?

Que tal fazer uma festa de aniversário infantil em local público?

festa de aniversário, festa de aniversário infantil, festa de aniversário ao ar livre, festa infantil, festa de criança ao ar livre, festa para crianç

Já pensou em planejar e preparar uma festa temática ao ar livre? Parece ser difícil, mas não é tão complicado assim. Veja as nossas dicas! Que tal fazer uma festa de aniversário infantil em local público? Já pensou em planejar e preparar uma festa temática ao ar livre?  Parece ser difícil, mas não é tão complicado assim. Espalhados pela cidade, parques e praças públicas têm funcionado como o cenário perfeito para comemorar o aniversário das crianças, de um jeito bem natural. O primeiro passo é entrar em contato com a administração do local. Não há nenhum impedimento específico para a realização de uma festinha em locais públicos, mas parques e praças contam com regulamentos diferenciados, que podem conter restrições diversas. Em alguns lugares, por exemplo, não é permitido amarrar balões nas árvores ou deixar o som alto demais. Todos esses pequenos detalhes devem ser levados em conta antes de começar qualquer preparativo. Se a mãe planeja fazer um piquenique, por exemplo, precisa se certificar de que ninguém vai ficar incomodado de se sentar no chão. Se os convidados tiverem mais idade, é legal investir em uma estrutura mais formal, com cadeiras, para ninguém ficar desconfortável. Outro ponto importante é sobre a estrutura do próprio espaço. Parques grandes, contam com sanitários masculino e feminino. Em praças, porém, não há nenhuma garantia de que os convidados terão esses espaços. Por isso, a dica é considerar algum serviço de cabines portáteis, que são mais confortáveis que os banheiros químicos, e quebram o galho no caso de alguma emergência com as crianças. Preparar alguns kits com panos limpos, álcool gel e água para lavar as mãos também é recomendado. E quem deve cuidar de todo o lixo da festa? Essa é mais uma responsabilidade que fica com os anfitriões. Novamente, vale conhecer o espaço com antecedência, para se certificar de que ele é equipado com lixeiras em pontos estratégicos ou se é necessário levar por conta própria. No fim da festinha, é importante deixar o parque do mesmo jeito que foi encontrado. Festa boa é aquela que tem crianças correndo, brincando e se divertindo por todos os lados. Para isso acontecer, não basta criar um ambiente fofo, com almofadas e toalhas sobre a grama. Os pequenos precisam de alguma atração que combine com uma festinha ao ar livre. As lembrancinhas da festa, por exemplo, podem ser brinquedos como bola, corda e peteca, que podem ser aproveitados por pais e filhos em casa ou ali mesmo. Há também a opção de contratar atrações especiais, como grupos de música ou teatro. Antes de definir qualquer coisa, porém, é preciso consultar o regulamento do parque e ver se esse tipo de entretenimento é liberado. A descontração também deve guiar a escolha dos petiscos do aniversário. Lembre-se: um piquenique ao ar livre não dispõe de espaço para que os convidados cortem alimentos, por exemplo. Então, o melhor é apostar em tudo que puder ser comido com as mãos e guardanapos, como sanduíches e fatias de bolo mais sequinhos, que não fazem sujeira. Entram nessa lista também biscoitos, frutas cortadas e outros quitutes práticos. Para conhecer organizadores de festas em Uberlândia CLIQUE AQUI! Que tal fazer uma festa de aniversário infantil em local público? Já pensou em planejar e preparar uma festa temática ao ar livre?  Parece ser difícil, mas não é tão complicado assim. Espalhados pela cidade, parques e praças públicas têm funcionado como o cenário perfeito para comemorar o aniversário das crianças, de um jeito bem natural. O primeiro passo é entrar em contato com a administração do local. Não há nenhum impedimento específico para a realização de uma festinha em locais públicos, mas parques e praças contam com regulamentos diferenciados, que podem conter restrições diversas. Em alguns lugares, por exemplo, não é permitido amarrar balões nas árvores ou deixar o som alto demais. Todos esses pequenos detalhes devem ser levados em conta antes de começar qualquer preparativo. Se a mãe planeja fazer um piquenique, por exemplo, precisa se certificar de que ninguém vai ficar incomodado de se sentar no chão. Se os convidados tiverem mais idade, é legal investir em uma estrutura mais formal, com cadeiras, para ninguém ficar desconfortável. Outro ponto importante é sobre a estrutura do próprio espaço. Parques grandes, contam com sanitários masculino e feminino. Em praças, porém, não há nenhuma garantia de que os convidados terão esses espaços. Por isso, a dica é considerar algum serviço de cabines portáteis, que são mais confortáveis que os banheiros químicos, e quebram o galho no caso de alguma emergência com as crianças. Preparar alguns kits com panos limpos, álcool gel e água para lavar as mãos também é recomendado. E quem deve cuidar de todo o lixo da festa? Essa é mais uma responsabilidade que fica com os anfitriões. Novamente, vale conhecer o espaço com antecedência, para se certificar de que ele é equipado com lixeiras em pontos estratégicos ou se é necessário levar por conta própria. No fim da festinha, é importante deixar o parque do mesmo jeito que foi encontrado. Festa boa é aquela que tem crianças correndo, brincando e se divertindo por todos os lados. Para isso acontecer, não basta criar um ambiente fofo, com almofadas e toalhas sobre a grama. Os pequenos precisam de alguma atração que combine com uma festinha ao ar livre. As lembrancinhas da festa, por exemplo, podem ser brinquedos como bola, corda e peteca, que podem ser aproveitados por pais e filhos em casa ou ali mesmo. Há também a opção de contratar atrações especiais, como grupos de música ou teatro. Antes de definir qualquer coisa, porém, é preciso consultar o regulamento do parque e ver se esse tipo de entretenimento é liberado. A descontração também deve guiar a escolha dos petiscos do aniversário. Lembre-se: um piquenique ao ar livre não dispõe de espaço para que os convidados cortem alimentos, por exemplo. Então, o melhor é apostar em tudo que puder ser comido com as mãos e guardanapos, como sanduíches e fatias de bolo mais sequinhos, que não fazem sujeira. Entram nessa lista também biscoitos, frutas cortadas e outros quitutes práticos. Para conhecer organizadores de festas em Uberlândia CLIQUE AQUI!

Artigos e Dicas
Para as noivas: Entrar ou não na igreja com o terço na mão?

Para as noivas: Entrar ou não na igreja com o terço na mão?

Noivas, casamento, terço de noiva, terço para noiva, noivas com o terço, terços para casamento, terços para entrada da noiva

Era tradição, mas agora virou moda. Saiba se você deve ou não entrar com terço na mão em sua cerimônia de casamento. Para as noivas: Entrar ou não na igreja com o terço na mão? Antigamente, era tradição as noivas entrarem na igreja segurando um terço junto com o buquê para simbolizar a pureza e importância do momento. E não é que o hábito voltou e virou moda? Elas estão casando com terços de pérolas, prata e até de sementes. Também é comum usarem o da avó ou da bisa. No entanto, se a mulher realmente não acredita na simbologia e função do acessório religioso, é melhor optar apenas pelo buquê. Afinal, os modismos passam, mas esse momento tão especial fica para sempre. Então, é preciso coerência, na forma de pensar e relacionar-se com a fé e não aderir simplesmente porque está em alta. Se a ideia for essa, escolha uma tendência que lhe represente hoje e por muitos anos. Existem várias possibilidades de carregar o acessório até o altar: Pode ser usado enrolado na mão ou no buquê e até escondido dentro da mão, mas não é preciso seguir uma regra, visto que ele possui um significado de fé. Para economizar, não é preciso comprar um terço: é possível alugar uma peça bem elaborada e usá-la apenas no dia do casamento. Também vale aproveitar o terço que passou por várias gerações. A noiva pode usar o terço usado pela mãe no casamento dela e que também pode ter sido usado pela avó, por exemplo. Mas é gostoso escolher um terço novo. Depois, ele passa a ter um significado único e especial, que vai ser passado diretamente para a próxima geração. Enfim, se você deseja entrar com o terço envolvido na mão porque acha lindo e é tendência, deve pensar duas vezes. Pense em seu significado e torne esse acessório em uma lembrança única desse momento tão especial. Ou, escolha um outro acessório – um que realmente representa você. Para conhecer fornecedores para casamentos em Uberlândia, CLIQUE AQUI. Para as noivas: Entrar ou não na igreja com o terço na mão? Antigamente, era tradição as noivas entrarem na igreja segurando um terço junto com o buquê para simbolizar a pureza e importância do momento. E não é que o hábito voltou e virou moda? Elas estão casando com terços de pérolas, prata e até de sementes. Também é comum usarem o da avó ou da bisa. No entanto, se a mulher realmente não acredita na simbologia e função do acessório religioso, é melhor optar apenas pelo buquê. Afinal, os modismos passam, mas esse momento tão especial fica para sempre. Então, é preciso coerência, na forma de pensar e relacionar-se com a fé e não aderir simplesmente porque está em alta. Se a ideia for essa, escolha uma tendência que lhe represente hoje e por muitos anos. Existem várias possibilidades de carregar o acessório até o altar: Pode ser usado enrolado na mão ou no buquê e até escondido dentro da mão, mas não é preciso seguir uma regra, visto que ele possui um significado de fé. Para economizar, não é preciso comprar um terço: é possível alugar uma peça bem elaborada e usá-la apenas no dia do casamento. Também vale aproveitar o terço que passou por várias gerações. A noiva pode usar o terço usado pela mãe no casamento dela e que também pode ter sido usado pela avó, por exemplo. Mas é gostoso escolher um terço novo. Depois, ele passa a ter um significado único e especial, que vai ser passado diretamente para a próxima geração. Enfim, se você deseja entrar com o terço envolvido na mão porque acha lindo e é tendência, deve pensar duas vezes. Pense em seu significado e torne esse acessório em uma lembrança única desse momento tão especial. Ou, escolha um outro acessório – um que realmente representa você. Para conhecer fornecedores para casamentos em Uberlândia, CLIQUE AQUI.