Seu evento

Artigos e Dicas

Damas, pajens e floristas

Damas, pajens e floristas

daminh 

Sejam crianças, adolescentes ou adultos, as damas de honra, pajens e floristas são um charme a parte durante a cerimônia e são quase que presença constante. Todo mundo vai a um casamento já esperando ver damas e/ou pajens no começo da cerimônia ou na hora das alianças. De onde vem o costume de se ter damas de honra e pajens no casamento? Na Antiguidade romana nasceu este costume: os noivos iam à igreja acompanhados por uma procissão de jovens vestidos iguais e com a mesma idade dos cônjuges. Imaginando, desta forma, que os maus espíritos não poderiam diferenciar os recém-casados do resto do grupo e não poderiam prejudicá-los, assim eles seriam poupados da miséria ou da inveja de outras pessoas. Com o passar do tempo a tradição foi se adaptando: Os casais da procissão viraram os padrinhos e madrinhas. As damas de honra por muitas vezes (principalmente no Brasil) são crianças e desempenham várias funções no casamento. Qual a idade ideal para daminhas e pajens? Crianças pequenas são uma fofura e emocionam mais os convidados porém o risco dela empacar e não entrar é grande, então dê preferencia para crianças entre 5 e 10 anos de idade se possível que tenham alguma intimidade com o os noivos, assim a timidez é menor na hora de entrar. Posso usar bebês? Pode, claro! Se for uma criança desinibida ela vai adorar, dar tchauzinho e acenar. Mas não espere que ela vá andar o tapete inteiro… Coloque-a pra entrar num carrinho – motorizado ou puxado por uma criança mais velha. Fica bonito e dá um tom de brincadeira para as crianças que estão participando, deixando-as mais relaxadas. Procure não forçar a criança a entrar sem a chupeta. Isso pode fazê-la se sentir desprotegida. Posso usar adolescentes? Pode sim, mas é importante que eles queiram participar. Adolescentes tendem a querer se sentir adultos e dar a eles a missão de dama ou pajem pode parecer que você ainda os considera crianças. Converse com eles e pergunte se eles gostariam de participar deste jeito da sua cerimônia e mostre a roupa que eles usarão, isso costuma fazê-los querer participar, uma vez que não é todo dia que se vestem como adultos, usando sapato de salto ou gravata. Eu particularmente acho lindo! Tenho muitas crianças queridas na minha família ou na família do meu noivo. Posso chamar todas? Pode. Existem diversas funções que as crianças podem ter durante a cerimônia, e você sempre pode colocá-las pra entrar juntas. Quais as funções das crianças em cerimônias de casamento? Você pode colocar crianças durante a cerimônia desempenhando várias funções: – Antes da entrada da noiva, com plaquinhas “Lá vem a noiva” ou ainda “Não foge, não!”. – Uma florista soltando pétalas de flores no tapete, antes da entrada da noiva ou entregando flores para as convidadas sentadas no corredor. – Trazendo uma bíblia ou algum objeto que fará parte da cerimônia. – Logo atrás da noiva, ajudando a carregar a cauda do vestido ou o véu (tem que ser uma cauda bem longa e uma criança mais velha que saiba andar sem puxar o vestido) – Trazendo as alianças – Trazendo os votos que os noivos lerão. – Na saída, com plaquinhas de “Felizes para sempre” ou “Recém-casados” Como escolher a roupa e acessórios das daminhas e pajens? Você deve SEMPRE priorizar o conforto dos pequenos. Evite vestidos muito longos para as meninas. Lembre-se que elas podem tropeçar, então opte por aqueles que terminam antes do tornozelo. Para os meninos, nada de gravatas apertadas ou suspensórios se eles não estiverem acostumados. Acessórios para meninas ou meninos (coroa de flores, chapéus, luvas etc) devem ser entregues á criança antes do dia do casamento. Ela deve estar ciente que vai usar aquilo e que depois da cerimônia, pode tirar. Os sapatos também devem ser entregues antes, e se possível laceados (usando dentro de casa) antes do dia do casamento. Quem providencia a roupa das daminhas e pajens crianças ou adolescentes? Os noivos ou os pais? Depende. Tem criança que já foi daminha tantas vezes que já tem até roupa e arranjo de cabelo disponíveis, mas é de bom tom que os noivos providenciem a roupa das daminhas e pajens, uma vez que os pais já estão se organizando para dar presente de casamento e muitas vezes são pegos de surpresa com o convite para o filho(a). Quem cuida da criança antes da entrada na cerimônia? Geralmente a criança fica com os pais ou avós. Caso estes não estejam disponíveis (são padrinhos, pais dos noivos ou até mesmo os noivos), então certifique-se de avisar a criança com antecedência que ela ficará com uma pessoa que não conhece, e que verá os conhecidos no altar, depois que ela entrar. Como faço pra criança não empacar na hora de entrar? O ideal é ensaiar com as crianças antes do casamento, de preferencia no local onde ocorrerá o casamento. Eu tive apenas uma florista. Levei-a ao espaço onde eu casaria e ensaiamos no gramado onde aconteceria a cerimônia. Brincamos de casamento imaginando um tapete, cadeiras, flores, e também fizemos o ensaio tocando a música dela no celular. Fiz questão de explicar de onde ela viria e onde se sentaria depois de entrar, porque muita criança fica tímida e empaca por não saber o que vai fazer depois da entrada. Fica a dúvida na cabecinha dela: Cadê minha mãe? O que eu faço depois? No dia do casamento minha florista entrou – toda tímida, mas entrou – e fez bonitinho o que ensaiamos. Se sua criança for muito tímida, coloque a(o) irmã(o) mais velha(o) pra entrar junto ou avise aos pais que, caso a criança empaque, eles podem entrar com ela no colo ou puxando pela mãozinha, ou dê algum brinquedo, ursinho, buquê de marshmallow e etc, para que ela entre distraída e não fique preocupada com a quantidade de gente assistindo-a. E se ela entrar mas não fizer o que foi combinado? Pode ter certeza que crianças são lindas em casamentos e pronto! Se ela fizer tudo bonitinho e ensaiadinho vai arrancar suspiros dos convidados. Se ela fizer tudo errado e agir espontaneamente vai arrancar risadas de todo mundo! Curta o momento e divirta-se ou emocione-se com suas crianças participando! Não terei crianças no meu casamento. Fica feio? Claro que não! As crianças apesar de arrancarem suspiros e interjeições dos convidados, não são uma obrigatoriedade. Você pode colocar outras pessoas queridas do convívio do casal para participar da cerimônia de alguma forma. Quero chamar damas de honra adultas, como o costume norte-americano. Como proceder? As damas de honra adultas são, na maioria das vezes, as melhores amigas da noiva. Costuma-se ter no máximo 4 damas de honra e são normalmente jovens e solteiras. As damas de honra usam vestidos da mesma cor, não necessariamente do mesmo modelo, e entram carregando um buquê igual ao da noiva, mas em tamanho menor. Na cerimônia elas entram antes da noiva, todas juntas. Se houverem casais de padrinhos, elas entram depois destes. Quais outras opções eu tenho para a entrada as alianças, além de crianças? A entrada das alianças é um ponto importante da cerimônia, do qual todos esperam. As damas de honra adultas, irmãs do noivo ou noiva ou ainda outro parente podem entrar levando as alianças. Ultimamente tenho visto os noivos colocando suas avós para entrar com as alianças. Eu pessoalmente acho lindo, e fiz isso no meu casamento. Para elas, é uma missão importantíssima e se sentem honradas, e para os noivos tem muito mais significado, uma vez que antigamente as alianças eram jóias de família – muitas vezes o bem mais caro que alguém possuía – e passavam de geração para geração.

Inspire-se com a coleção de vestidos de noiva Mon Cheri

Inspire-se com a coleção de vestidos de noiva Mon Cheri

casamentos, noivas, vestidos de noivas, madrinhas, convites, formaturas, festas, eventos, ternos, pajem, daminhas, mon cheri  

A coleção Mon Cheri destaca-se por apresentar vestidos verdadeiramente glamourosos com toque de elegância sempre “na medida”. São vestidos que evidenciam a personalidade de cada noiva, impecáveis em cada detalhe – como um bom vestido de noiva deve ser! Inspire-se com alguns modelos e venha conhecer aqui na Anna Maria Noivas! Agende seu horário pelo 3433-1594. Solicite um orçamento pelo link - http://www.seuevento.net.br/piracicaba/anna-maria-noivas">http://www.seuevento.net.br/piracicaba/anna-maria-noivas

Festa infantil barata e bonita

Festa infantil barata e bonita

festa infantil, dicas para festa infantil 

Com o mercado de eventos em alta, é comum ver festinhas infantis em que o céu é o limite para pais que desejam criar um ambiente mágico na hora de celebrar os aniversários dos pequenos. Mas nem sempre o investimento precisa ser alto para se alcançar um belo resultado. Para economizar e organizar festas baratas e incríveis, garimpamos cinco dicas essenciais com especialistas. Aproveite e veja abaixo algumas sugestões: Receba em casa “Para reduzir o custo em relação ao local, a festinha pode ser feita na própria residência da pessoa, espaço de festas do prédio, ou ainda na escolinha da criança”, sugere Mayara Junquilho, da Soul Eventos. Esta dica, aliás, é um consenso entre os especialistas. “A graça e o charme de se comemorar em casa é que a festa tem a sua cara, seu jeito, seu cheiro...”, diz Mirussia Remuszka, produtora de eventos da Comemore Sempre. Faça você mesmo O “faça você mesmo” é o que vem logo à cabeça quando pensamos em economizar. Entre os itens que você pode fazer estão pompons e móbiles para a decoração. As bandeirinhas com as letras formando o nome do aniversariante ou as próprias letras em MDF (que são vendidas na cor crua em casas de artesanato para serem pintadas) estão em alta e também podem ser produzidas pelos pais. A embalagem dos doces são outra opção de produção independente dos donos da festa. Quadradinhos de tecido de chita, por exemplo, podem formar trouxinhas de bombons que vão para a mesa, sugere Mayara. Reutilize suas coisas Lidiana Paz, da Arquitetas da Festa, sugere usar os brinquedos e pelúcias das crianças que tenham a ver com o tema. Raquil Lange, da Parangolé, orienta ainda a dar uma olhada para a sua própria cozinha. “Dependendo do tema, vale procurar objetos que combinam. Às vezes, uma travessa verde combina com a festinha do dinossauro, por exemplo”, conta. Repense o cardápio Já que a festa é para a criançada, uma boa forma de economizar é cortar os “rococós gastronômicos” e fazer, você mesmo, o cardápio. Mirussia, da Comemore Sempre, indica receitas fáceis e saudáveis para estas ocasiões, sobretudo para quem vai receber em casa. Aposte em pequenos sanduíches, pão de queijo, milho cozido em rodelas menores, picolés, docinhos simples como doce de leite com biscoito de maisena e, principalmente, frutas picadinhas. Use a imaginação “Quanto mais personalizada a festa, mas fácil de executar”, sugere Mirussia, da Comemore Sempre. Pratinhos e copinhos de papel, por exemplo, podem ir além da função de servir. Balões também causam impacto e não são caros. “A dica é investir em balões maiores, com estampas de poás, por exemplo, para se diferenciar dos mais tradicionais e óbvios. Outra ideia é usar feltro na decoração. Fazer detalhes com feltro dá grande efeito e não sai caro”, diz Shirley, do blog Macetes de Mãe.

Como pedir orçamento para fornecedores de Casamento - Lu Larré Wedding Planner - Novo Hamburgo

Como pedir orçamento para fornecedores de Casamento - Lu Larré Wedding Planner - Novo Hamburgo

orçamento, fornecedores, casamento, novo hamburgo, fornecedores para casamento, orçamento para casamento 

Mais uma dica quentinha para os noivos de plantão da Wedding Planner Lu Larré! Quando o casal já tem a data, o local da cerimônia, local da festa e número de convidados ai sim, eles devem começar a enviar e-mails solicitando os orçamentos (foto, filmagem, sonorização/iluminação, cerimonial, gastronomia entre outros). A decoração é mais complexa, pois toda a decoração deve ser personalizada, ou seja, cara dos noivos. É fundamental marcarem uma visita pessoal com profissional de decoração, onde vocês mostrarão as fotos do que gostam. Se o contato for por e-mail a dica é que no e-mail conste: - No assunto a palavra "orçamento", isso facilita para o profissional que recebe inúmeros e-mails por dia. - Escreva todos os dados do evento: data, local da cerimônia, local da festa e número de convidados. - É bom mandar o número do seu telefone, assim o fornecedor poderá te ligar, caso tenha alguma dúvida. - Vale citar quem indicou, ou como você conheceu o trabalho daquele fornecedor. SEMPRE dê uma resposta. Nem que seja ” vou fechar com outro fornecedor”. A pessoa provavelmente ficará grata pela resposta. Conheça Lu Larré: http://www.seuevento.net.br/vale-do-sinos/lu-larre-eventos-cerimonial-personalizado-novo-hamburgo">http://www.seuevento.net.br/vale-do-sinos/lu-larre-eventos-cerimonial-personalizado-novo-hamburgo Navegue no nosso portal: http://www.seuevento.net.br/vale-do-sinos/">http://www.seuevento.net.br/vale-do-sinos/

5 dicas fundamentais para daminhas e pajens!

5 dicas fundamentais para daminhas e pajens!

dicas de casamento, daminhas, pajens, daminhas e pajens, dicas para noivas, casamento porto alegre, casamento poa 

Depois da entrada da noiva, um dos momentos mais aguardados na cerimônia é a entrada das daminhas e dos pajens. As crianças sempre roubam a cena e os seus olhares puros e doces, junto com a espontaneidade típica delas tornam a cerimônia ainda mais emocionante e alegre. Crianças são imprevisíveis e isso é ótimo, mas há como criar um clima favorável para que os sorrisos e as risadas, com a entrada delas, sejam de alegria e não de nervosismo. Para evitar que as crianças sintam-se desconfortáveis há algumas dicas básicas: 1. Elas devem provar a roupa com antecedência, e o momento de experimentá-las deve ser alegre, lúdico, repleto de brincadeiras. É muito importante que a mãe e a noiva, sintam o toque do tecido, ele deve ser macio, e a roupa não pode ficar muito apertada, assim como o sapato. Se nós, adultos, já nos incomodados com tecidos ásperos, roupas e sapatos desconfortáveis, imagine uma criança. 2. O ideal é que as daminhas e os pajens se conheçam, se esse não é o caso, o melhor é que eles sejam apresentados antes e brinquem juntos, para que exista uma conexão. Assim, vão adorar caminhar lado a lado durante a cerimônia. 3.É muito importante respeitar o horário de sono e de comer deles, esses dois fatores normalmente deixam as crianças muito mal humoradas e a probabilidade delas chorarem ou de não quererem entrar é alta. Caso o casamento seja mais tarde ou no horário de dormir ou da refeição delas, cabe a mãe, uma semana antes, mudar um pouquinho a rotina do seu filho, assim no dia do casamento ele já estará acostumado com os novos horários. 4. Há uma moda de colocar um bebê em um carrinho e colocar outra criança um pouco maior para empurrá-lo, cuidado isso é muito perigoso! Como falamos, crianças são imprevisíveis e essa tendência pode colocar em risco a segurança do bebê. Nós não indicamos essa ideia. 5. E uma última dica fundamental: crianças colocam tudo na boca, então cuidado com flores tóxicas ou com perfumes muito fortes. Com esses conselhos não há como errar e depois é só curtir o momento e as fotos que com certeza serão lindas!

Organizadora da dicas para montar uma festa infantil

Organizadora da dicas para montar uma festa infantil

festa infantil, festa infantil em aracaju, dicas para festas, dicas festa infantil 

Ao organizar uma festa de aniversário para o filho, muitas mães querem docinhos diversificados, cenografias gigantescas e todos os brinquedos que couberem no local. Mas nada disso é garantia de felicidade para os pequenos convidados e para o sucesso de uma festa infantil. Segundo a assessora e organizadora especializada Kika Duarte, da Auguri Festas e Eventos, em São Paulo, menos também pode ser mais. Com criatividade e empenho, não é preciso gastar tanto para fazer o seu filho contente. 1. Saiba o quanto você está disposta a pagar Não dá para bancar uma decoração completa do Ben 10 no salão de festas do prédio? Sem problemas. A criança pode ficar contente – e muito – simplesmente recebendo os amiguinhos em casa, com a vela do bolo de aniversário no tema do seu personagem favorito. “Não precisa haver ostentação nesta hora. O foco é comemorar o aniversário do filho como for possível”, afirma Kika. 2. Defina um tema a partir de algo que você já tem Procure ideias dentro de casa. Se encontrar uma máquina de costura dos tempos da vovó, compre fitas métricas e linhas de costura e monte uma mesa com o que puder ser combinado. O tema para a festa do seu filho pode estar escondido nos armários. Não é tão difícil e pode dar um resultado incrível. 3. Troque a lembrancinha por uma oficina Se o tema da sua festa é corte-e-costura, que tal trocar as lembrancinhas por uma oficina rápida e simples para as crianças, ministrada por uma das mães? O resultado da aulinha de confecção já serve como lembrancinha, além de elas terem uma atividade diferente para se divertir. Oficinas de culinária também podem servir para a criançada levar uma lembrancinha para casa – como um cupcake feito por ela mesma. 4. Experimente antes a montagem da mesa Monte a mesa antes do dia, para visualizar exatamente como ela vai ficar. Se notar áreas muito vazias, preencha com flores – escolha as favoritas da criança ou use um vasinho de flores que você já tem em casa – ou, se a festinha é para meninas, faça laços de cetim ou gorgurão. “São detalhes que fazem a diferença”, conta Kika. Trabalhe também as alturas, para não dispor todos os pratos e enfeites na mesma linha. Livros infantis e outros objetos de casa servem para criar alturas diferentes na mesa. 5. Fuja dos temas padrões Às vezes as mães querem juntar a festa de aniversário do filho de três anos e da filha de seis em uma só. Mas como encontrar um tema bom para os dois? Saia do convencional e crie um tema diferente. Uma festa com o tema pizzaria, por exemplo, atende aos dois gêneros e a uma ampla faixa etária. “Você pode, ainda, chamar uma pizzaria que leve a massa para a criança fazer a própria pizza”, sugere. 6. Lembre-se: a festa é para a criança Dispense as firulas no cardápio. Criança gosta de brigadeiro, beijinho e bicho de pé. As mães não precisam, portanto, se descabelar para incrementar muito. “Em 98% das festas o bolo preferido é o de chocolate”, resume Kika, relembrando um quitute simples e adorado, que caiu no esquecimento nos últimos tempos: gelatina. “Em uma festinha com o tema chá de bonecas, coloque gelatina dentro das xícaras, já que nenhuma criança vai tomar chá. Faz muito sucesso”, completa. Uma sugestão de tema para as meninas: chá de bonecas Apresentada na Mega Festas, a mesa pequenina posta com o tema chá de bonecas (montada pela empresa Chá das Cinco), pode inspirar as mães. Não é tão difícil quanto parece: abra o armário de louças e decore uma mesinha alugada da maneira que achar melhor. Claro que as crianças não precisam usar os objetos para brincar. Aproveite os conjuntos de chá de brinquedo das crianças e coloque também pratinhos e copinhos descartáveis para elas brincarem com as bonecas. Com algumas canetinhas coloridas apropriadas, elas podem ainda personalizar os objetos. Uma sugestão de tema para os meninos: festa do carrinho Para Kika Duarte, a mesa apresentada na Mega Festas tem uma combinação de cores perfeita. As forminhas de doces em forma de carrinho são um encanto e não é difícil arranjá-las em lojas de scrapbooking ou papelarias especiais, ou ainda fazendo você mesma – imprima um molde e pinte em casa, com seu filho. Ainda dentro do tema carros e trânsito, você pode fazer semáforos com cartolina ou papelão. Se o espaço for suficiente, peça às crianças para trazerem suas bicicletas, risque um circuito com giz e brinque com as regras do trânsito.

1 2 3 4